Uncategorized

Entenda como a Terra está mais verde e o que isto significa

“Há 20 anos a Terra era menos verde que hoje​”

Ao ler esta frase, ela pode parecer controversa e difícil de acreditar. Afinal, todas aquelas aulas de geografia na escola alertavam para um mundo poluído, com animais e vegetação extinta.

Se olharmos ao nosso redor, sem precisar ir muito longe e no próprio condomínio, muitas vezes lidamos com questões ambientais que dependem da conscientização de todos e mesmo assim algumas vezes nem as simples “regras” de convivência são seguidas.

Mesmo em uma realidade longe do ideal, a constatação de que a Terra está mais verde foi afirmada pela ​Nasa​ (Administração Nacional de Aeronáutica e Espaço) através de um ​estudo publicado recentemente​ no Jornal Nature. De certa forma, ler que a vegetação da Terra não caminha para uma degradação progressiva, traz uma sensação de alívio com um pouco de desconfiança e se observarmos bem, com ​várias oportunidades​.

Os maiores protagonistas para este aumento significativo da vegetação da Terra são decorrentes de duas potências em tamanho, quantidade de pessoas e tecnologia: A China e a Índia.

Os gigantes da Ásia que eram grandes vilões no início dos anos 90, devido ao desmatamento e a poluição veloz para manter as indústrias a todo vapor, hoje se voltam para o mundo como exemplos a serem seguidos. ​A China teve um aumento em mais de 10% da sua vegetação e a índia por sua vez aumentou em mais de 6%. Já os demais países não passaram da média de 2,3%​.

Você pode se perguntar: “Qual o motivo dessa mudança?”

Apesar das mudanças climáticas estarem ajudando a vegetação a se regenerar, muito deste aumento do verde no nosso planeta azul, se deve a consciência e o esforço humano. Desde os anos 2000 a China vem criando projetos de expressão para reflorestar e mitigar o desmatamento em suas florestas. Já a Índia com a ajuda da tecnologia tem investido na diversidade e expansão da agricultura produzindo mais alimento ao mesmo tempo que se torna mais ecológica.

A tecnologia vem transformando processos que antes ocupavam mais mão de obra ou levavam mais tempo, para algo mais rápido, transparente e sustentável. Esta tendência que é realidade em diversos lugares do mundo, não se limita apenas a gestão de países, mas também a gestão dos próprios condomínios.

Quais os benefícios desta transformação?

Os benefícios desta mudança de comportamento, vão desde o equilíbrio da temperatura do clima até a redução da poluição e aumento da qualidade de vida. Mas, além dos benefícios mais conhecidos podemos destacar também que o aumento da vegetação ao nosso redor, reduz os riscos da população desenvolver síndromes e problemas mentais.

Segundo um estudo liderado pela ​ONG The Nature Conservancy (TNC)​ 46% da população que vive nas grandes cidades, como por exemplo São Paulo, já sofrem de problemas relacionados à saúde mental. Aos poucos e de forma progressiva as pessoas estão se conscientizando que a natureza precisa estar próxima para equilibrar a nossa própria natureza. Confuso? Vamos olhar ao nosso redor:

Você tem percebido o aumento de jardins verticais vistos como decoração em condomínios?

Talvez no seu próprio apartamento você consiga observar sacadas com diversas mini plantas como cactos e suculentas vivendo em vasos decorativos. Podemos citar também um exemplo bem prático e fácil de ver no dia a dia: ​A disputa por áreas de lazer nos cantos da cidade. ​Correr, andar de bicicleta ou levar os filhos para brincar. Onde há verde há pessoas praticando esporte, tirando fotos ou apenas observando a natureza.

Oportunidades da terra verde

Na Condofy pensamos sempre em como a tecnologia pode ajudar a vivermos uma vida melhor e assim, termos mais tempo para nos dedicar àquelas coisas que amamos. Muitas vezes pensamos em tecnologia apenas como uma ferramenta de produtividade. Mas de que adianta ser produtivo, ter mais tempo, se a nossa casa, o lugar onde vamos desfrutar de momentos alegres, não estiver saudável?

E você? Concorda que a tecnologia tem sido a grande alavanca da terra verde? Deixe aqui seu comentário.

Tagged , ,

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *